Resumo: aprenda a evolução do marketing na era digital e como ele chega ao seu fim com o marketing de conteúdo.

Me recordo em fazer anúncios no Google Adwords em 2006. Naquela época era tudo tão fácil (como tudo deveria ser), bastava fazer um banner de 468x60 pixels em uma página que trabalhava com Adsense ou fazer um link no Google mesmo para página de vendas que o dinheiro entrava na minha conta. A única preocupação na época era o preço do clique, que aumentava e diminuía minha margem de lucro. O tempo passou e com ela toda inocência da internet…

Nesse meio tempo a internet passou por vários altos e baixos financeiros, assim como eu. 

A era digital me mostrou na pele que o sucesso e o dinheiro na conta são momentos passageiros. Isso ocorreu porque com a internet vivemos (pela primeira vez na história) o livre mercado e ele é dinâmico paraumcacete. Tudo muda muito rápido agora, você sobe e cai do cavalo em uma velocidade enorme. E para continuar no mercado é preciso estudar muito e se reinventar o tempo todo…

A única certeza da vida é a morte.

Hoje, o cliente além de não ser otário, é provavelmente muito mais inteligente do que você. A tecnologia disseminou o conhecimento e pessoas inteligentes são naturalmente mais exigentes. Eu ganho a vida com internet (garoto de programação) desde moleque e vi toda evolução do marketing digital, ou seja, tudo ficando cada vez mais difícil.

BACK IN TIME

O roteiro do dinheiro na internet foi exatamente assim: primeiro era somente o banner, depois o Google passou exigir uma squeeze page (página de captura), então uma squeeze page que direcionava para uma landing page (página de vendas), foi aí que nasceu o movimento mail marketing (paguei por dez anos o Aweber), logo veio a sequência de emails, a sequência de vídeos (Jeff Walker X John Benson) e por último a produção de conteúdo. Formas cada vez mais complexas de gerar valor e de vender sem vender.

Marketing de conteúdo é o novo banner… 

O conteúdo sem dúvida é o auge da internet e provavelmente o seu próprio fim. Alguém dúvida que a internet vai virar outra coisa?

Marketing de Conteúdo = Information Overload 

Tanta informação multiplicou a ansiedade nas pessoas (mal do século) e virou um novo tipo de spam. Sim, as pessoas cansaram dessa abordagem, não porque é um método ruim, mas porque abusaram dessa fórmula. De repente uma multidão começou a produzir conteúdo sem conteúdo, os clientes cansaram (eles sempre cansam) e jogaram esse marketing no quartinho do spam.

Sim, ainda existe uma maneira mais inteligente de fazer isso… aí vão umas dicas marotas:

Interação

As pessoas cansaram de ler, hoje elas querem escrever (era maker). O conteúdo deve abrir a porta para interação, você deve deixar o seu cliente participar da sua plataforma ou mesmo do processo criativo.

Minimalista

Simplesmente pare de escrever tanto texto ruim, aposte na qualidade e não na quantidade. Um texto por mês pode te gerar uma quantidade enorme de leads (como gerou para mim). Hoje eu tenho textos com dezenas de milhares de leitores e isso pode ser a sua principal estratégia. 

Rapidinha

Nada que tem valor nesse mundo acontece de forma rápida, aprenda a respeitar o tempo. Conteúdo demanda tempo para dar retorno e isso significa muitas vezes se dedicar por alguns anos. Ninguém se torna uma autoridade do dia para a noite, muito menos com um blog meia boca.

Mão de Vaca

Nenhuma empresa vai lucrar organicamente em seus primeiros textos, simplesmente porque você não tem público para isso. Sim, o marketing de conteúdo é bom, mas aliado ao outbound marketing realiza milagres. Sim, você TEM que tirar o escorpião do bolso.

Você é Ruim 

Admita, o seu departamento de marketing não tem tempo para isso. Mesmo que tenha interesse em aprender, provavelmente existe alguma função na empresa que exige mais atenção. Das duas uma, você pode inserir um agente exclusivo (jornalista ou comunicador) ou simplesmente terceirizar essa função.

Porcaria

Grande parte das agências (eu diria 99,999999999%) entregam um trabalho porco ou inútil (sem resultados) nessa área. Inclusive empresas famosas já estão caindo do cavalo por te enxergar apenas como mais um lead (cifrão). Temos raros cases de sucesso nesse segmento, pesquise… 

Sim, eu comecei com um problema e terminei com um maior ainda… mas não precisa ser assim.

Você deve focar mais do seu tempo naquilo em marketing (gerar dindin) ou pode simplesmente ir atrás de empresas realmente profissionais no assunto.

Aproveite para deixar nos comentários qual é a sua experiência e as dificuldades dentro do seu negócio com o marketing de conteúdo.